[Autoria] Medo e Incertezas

10:58:00 Vivi Lemes 1 Comments

Busquei pelo que tenho hoje a vida toda. Os esforços foram corretos, cada noite em claro e cada privação serviram para chegar ao ápice. Tudo parece perfeito, mas porque não consigo desviar os olhos do vento que empurra os cabelos no seu rosto?

Imensidões nos separam e nem toda determinação deveria permitir que eu te tocasse, mas a revolta das energias, a força das constelações e as outras coisas impossíveis nas quais você acredita agem sobre mim.
Te ver tão em paz olhando a vida que corre lá fora enquanto acelero, faz acreditar que há em você muito de confiança no que faço e isso enche meu peito de ansiedade adolescente. De certa forma, as mãos no volante me colocam no controle e a sensação de poder agrada mais do que eu possa sentir orgulho. Seria fácil parar depois da próxima curva e finalmente falar o quanto a sua presença me desarma, mas não será melhor ficar com a paz de um olhar distante do que dizer o que sinto e lidar com a incerteza?
Os minutos vão passando e o vento pela janela trouxe novamente seu perfume. Cada vez se torna menos absurdo segurar sua mão durante um daqueles toques acalorados que dá enquanto fala e ri dos assuntos todos, porque bastaria uma centelha de luz nos seus olhos para ter coragem de provar dos lábios o sabor da aprovação. Perderia o rumo de toda uma vida, de tudo o que busquei, tudo que parecia valer a pena...
- Ei, qual o problema?
- O quê?
- Melhor não ficar me olhando, eu sei ler mentes! – Disse ela com sua risada musical, me ferindo com o sentimento confuso que preenche o coração dos amantes transtornados.
- Me deixou com medo. – Ri de volta, despretensioso e então o silencio da estrada deserta preencheu os espaços.

Saberá ela quanto de verdade contém minha resposta?

Um comentário:

  1. Que livro romântico fiquei fascinada...não conhecia lembra om pouco o Edward de crepúsculo..kkkk
    Vi estou te tagueando segue o link da brincadeira bjusss
    http://theluckstar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir